FAQ . Perguntas mais frequentes
 
31/01/2014
PLANOS QUINZEMED TERÃO REAJUSTE A PARTIR DE FEVEREIRO
 

Os planos médicos oferecidos pelo Departamento Quinzemed de abrangência Estadual e Regional serão reajustados em 8,9% a partir do mês de fevereiro.

O aumento nas mensalidades faz parte do reajuste anual estabelecido pela Agência Nacional de Saúde (ANS) e foi firmado através de uma intensa negociação ocorrida entre a diretoria do Sindiquinze e a Unimed/São José do Rio Preto.

Os planos oferecidos pelo Sindiquinze são avaliados pela sinistralidade e, de acordo com o presidente do sindicato, Zé Aristéia, nos últimos 12 meses, foi apontada uma situação deficitária na utilização do convênio.

Segundo informações, a Unimed constatou um índice de uso dos planos Quinzemed acima da média, sendo que a sinistralidade negativa dos convênios chegou a 15,56%.

Por causa disso, a proposta inicial solicitada pela Unimed era de um reajuste de 15%. Ainda segundo Zé Aristéia, foi considerado o índice de 9,04%, atual reajuste aplicado pela Agência Nacional de Saúde para os planos de saúde que não consideram a sinistralidade.

“O Sindiquinze manteve intensa negociação com a Unimed de São José do Rio Preto e conseguimos reduzir o repasse do reajuste para nossos associados em 8,9%”. Para a diretoria do sindicato, é fundamental que os usuários Quinzemed utilizem os planos de saúde com consciência e cautela para que haja uma melhor negociação e menor impacto de reajuste no próximo ano.

Segundo informações do Departamento Quinzemed, os novos valores já serão aplicados na folha de pagamento de fevereiro.

NOVOS PROCEDIMENTOS DE COBERTURA OBRIGATÓRIA IMPACTAM NO REAJUSTE

Desde o dia 2 de janeiro, os usuários dos planos Quinzemed passaram a ter direito a 50 novos procedimentos dentre exames, consultas e cirurgias; a 37 medicamentos orais para tratamento domiciliar de câncer, além de coberturas específicas para 29 doenças genéticas. O novo Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde foi editado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e também foi um dos fatores para o percentual do reajuste estabelecido.

Além disso, foi considerado também o impacto de fatores externos ocorridos em 2013, como por exemplo, a utilização dos 60 novos procedimentos incluídos no Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde ao longo de 2012.

Entre as inclusões ocorridas neste ano estão: 28 cirurgias por videolaparoscopia (procedimentos menos invasivos que reduzem os riscos para o paciente e o tempo de internação), além de tratamento de dores crônicas nas costas utilizando radiofrequência e tratamento de tumores neuroendócrinos por medicina nuclear. Também foi estabelecida a obrigatoriedade do fornecimento de bolsas coletoras intestinais ou urinárias para pacientes ostomizados. Junto às bolsas, também devem ser ofertadas ao paciente os equipamentos de proteção e segurança utilizados conjuntamente com elas, como as barreiras protetoras de pele.

A principal novidade é o tratamento para o câncer em casa, com medicamentos via oral. Passaram a ser ofertados medicamentos para o tratamento de tumores de grande prevalência como estômago, fígado, intestino, rim, testículo, mama, útero e ovário. A terapia medicamentosa oral contra o câncer promove maior conforto ao paciente e reduz os casos de internação para tratamento em clínicas ou hospitais.

Além de inclusões, a ANS ampliou o uso de outros 44 procedimentos já ofertados. Clique aqui para ver a lista completa dos novos benefícios

QUINZEMED/SINDIQUINZE: EMPENHADO PELA SAÚDE DO ASSOCIADO

do Sindiquinze, Caroline P. Colombo